quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Sobre Concursos Públicos

Estamos quase em 2014 e ainda tem gente que pensa que as pessoas fazem Concursos Públicos para depois não precisar trabalhar. Por um lado, é mais fácil entrar por meio de Concurso, não tem todas aquelas entrevistas chatas, mas alguns fazem exames médicos rigorosos que também reprovam. Por outro lado, para conseguir uma vaga, por mais simples que seja, é necessário passar horas estudando, durante vários meses, decorar leis, com todos os detalhes e às vezes, até a constituição completa. Não é para preguiçosos. Sério mesmo que alguém que não quer saber de trabalho vai passar dias e noites estudando??

Os servidores públicos trabalham tanto quanto qualquer outro profissional, são avaliados em todos os momentos e nem sempre têm feriadão. Claro, sem ingenuidade, alguns mais antigos se acomodaram, mas cada vez há menos espaço para eles.   

9 comentários:

Liliane de Paula disse...

Acomodar é uma palavra que deveria sair do meu dicionário.
É como descansar. Detesto essa palavra.
Quero é cansar.

Fulana disse...

funcionária da maior estatal desse país atesta: trabalharei até o dia 31, às 12h, e só poderei folgar na véspera de natal porque compensarei as horas :)

atesto ainda: se tem algo que não falta aqui é serviço, coisas novas para aprender, desafios constantes, metas, cobranças...

por fim, o que muda daqui para outro lugar é você poder saber que não vai embora. com isso, pode-se fazer grandes projetos, de médio-longo prazo (financeiramente e profissionalmente).

não troco isso por coisa pior, só por coisa muito melhor!

Carla Renata Galassi disse...

sou concursada mas ainda insatisfeita..rs.. quero passar em outro e outro e outro até a satisfação finalmente me dominar. Mas realmente pra entrar precisei fazer exame de sangue, raio x e audiometria.. e uma looooooooooooooooooooooooooooooonga entrevista com o perito.. bjokas lindeza e sucesso sempre

Denise Terra disse...

SOu funcionária pública.. de ensino médio, irei começar a prestar os superiores agora. Não estudei para passar dias e noites... embora a concorrência tenha sido bem grande, deu tudo certo e passei.

Só que não é esse mar de rosas como todos pensam.. tanto que não vejo a hora de sair!!!

É como um trabalho qualquer, aonde existe conflitos com as pessoas ao redor, e a diferença é que nunca ninguém as manda embora. Um saco.

A estabilidade é gostosa, mas nem tudo na vida são estabilidades...

Se quiser me conhecer: www.boasescolhasbyde.blogspot.com

Bjs!

Cottage Regressiva disse...

Isso é super verdade mesmo!!!

Kelinha disse...

Nossa, adorei o jeito e sobre o que você escreve...
Passei pra retribuir sua visita e adorei o blog...
bjs

Rê Cabral disse...

As pessoas confundem estabilidade com falta do que fazer. E isso vale tanto para alguns funcionários públicos (que se apóiam na tal estabilidade pra fazer muito pouco) quanto pras pessoas de fora (que acham que as duas palavras são sinônimos). E eu concordo com vc: pra passar num concurso é preciso ralar MUTO e, exatamente por isso, as pessoas mais capacitadas que conheço são funcionárias públicas.

Betty Gaeta disse...

Eu sou servidora pública e me sinto um bocado injustiçada pela maneira que nos vêm, pois eu trabalho muito e meus colegas também e não ganho tanto qto pensam!
Beijos 1000 e um ótimo final de semana.

GOSTO DISTO!

Milena F. disse...

Você disse tudo!
Para muitos concursos é necessário estudar muito. Tenho amigos que hoje são juízes, procuradores, psicólogos concursados. e todos fazem um excelente trabalho.